Você verá que a emoção começa agora...
Agora é brincar de viver!
E não esquecer, ninguém é o centro do universo...
Assim é maior o prazer. (Guilherme Arantes)


domingo, 27 de novembro de 2011

ILHA DOS LENÇOIS–MARANHÃO

Chegamos à Ilha dos Lençois com o nascer do Sol, uma visão magnifica… e o melhor de tudo, foi observar a paisagem como se fosse uma cortina se abrindo com os primeiros raios de Sol e nos mostrando toda a beleza da ilha.
DSC08518
DSC08530
O nosso bravo ANDANTE, já está se achando, com fotos em todos os lugares, parece até que ele pede – Hei! Tire uma foto minha com essa duna branquinha de fundo!
DSC08542
A Ilha dos Lençois é linda e isolada, existe lá uma comunidade, em mais ou menos 100 casas de madeira com cobertura de folhas de coqueiro, devem morar umas 400 pessoas, que vivem da pesca, tem uma escola que vai até o 9º ano, mas pelo que conversei com uma professora de lá, quase ninguém sai da ilha pra continuar os estudos.
DSC08536
É inacreditável, mas água doce brota dos buracos que os moradores cavam na areia. Alguns fazem poços no fundo de suas casas, outros buscam no meio das dunas. A vida desse pessoal é muito simples e longe de toda a tecnologia que dispomos e não conseguimos abrir mão hoje em dia, mas que pra eles parece não fazer falta, mesmo as crianças e adolescentes, em sua maioria não querem sair de lá.
DSC08573
Pegam a água assim, de balde, pra abastecer suas casas.
DSC08540
Bebemos a água e é realmente muito boa, muito boa mesmo!
DSC08569
Aproveitamos pra nos refrescar, porque o clima por lá é de deserto.
DSC08574
A areia vai invadindo tudo, olha só o muro da escola! Mas por outro lado ninguém se preocupa em tirar a areia, ou o lixo que fica espalhado por toda a ilha, o que é uma pena num paraiso como esse. Eles não possuem coleta de lixo e ninguém faz absolutamnete “nada”, fazem o mais fácil, jogam o lixo por todo lugar… é uma judiação!
DSC08578
Depois de explorarmos a ilha durante horas, caminhando nas dunas debaixo de um Sol de rachar mamona… parada para hidratar… cerveja, e gelada! Que delicia!
DSC08583
Deliciosos camarões preparados pela simpática Laura, dona desse armazém, onde compramos Jesus… rsrs.
DSC08586
Era aniversário do Rogério e a comemoração foi com direito à Parabéns pra Você e almoço preparado pela Laura.
DSC08589
Estava uma delicia, comidinha caseira, arroz, feijão, salada, peixe grelhado… huuuummmm… tudo de bom!
DSC08600
Depois do almoço, eu e o Fer fomos dar uma volta com o Zé… nossa quando imaginamos onde nós estamos no mapa, vemos que o que estamos fazendo é muito louco mesmo… rsrs.
DSC08594
DSC08595
Estas praias são desertas e essas palhoças são de pescadores… o lugar é tão diferente, que ás vezes podemos ver algumas vacas magrelas pastando nesta areia quente debaixo deste sol escaldante… isso é no minimo inusitado. O Fernando parece uma criança abrindo um pacote gigante de presente de Natal, cada curva, cada duna, cada palhocinha, cada paisagem é uma descoberta única e muito prazeirosa pra ele, dá pra sentir no olhar… na maneira de agir toda a satisfação de estar desvendando cada canto mais remoto ou mais procurado pelos lugares onde passamos. Que experiência…
DSC08603
DSC08604
À noite fizemos festinha no Plâncton, afinal ainda era aniversário do simpático Rogério… eu disse que meu pai teria a idade dele se estivesse entre nós hoje e depois disso toda hora ele me diz – Olha! Eu tenho idade pra ser seu pai hein! rsrsrs. Tomamos vinho e comemos petiscos e é claro, muito bem recebidos pelo anfitrião Rogério que é um gentleman. Foi uma noite especial!
DSC08610
Também buscamos água doce para abastecer nossos barcos aí… sob um Sol daqueles… mas quando olhamos a paisagem a nosso volta e vemos o lugar que estamos, vale a pena todo sacrificio. Quantas pessoas tem a oportunidade de viver essa experiência simples e ao mesmo tempo tão longe da realidade que nos cerca nos dia de hoje?
DSC08623
DSC08626
Olha a cara da criança quando viu a “galinha (caipira) à cabidela” que ele pediu pra Laura fazer… não sobrou nem os ossinhos da coitada… rsrsrsrs
DSC08642
A maré aqui no Maranhão é maluca, chega a variar mais de 5m e quando fomos voltar para o barco o “Zé” estava lá no meio do canal e nós havíamos deixado em terra. O Fer foi nadando buscá-lo… Eta lele… academia de graça!
DSC08650
A Revoada dos Guarás… essas aves são lindas e dão um espetáculo todo final de tarde pouco antes do pôr-do-sol, voltando para o mangue onde descansam durante a noite. Elas salpicam o céu de um vermelho tão vibrante e dão um show ao sincronizarem seus vôos… é realmente fantástico!
DSC08665
Parecem flores nas árvores… mas são eles… os Guarás!
DSC08672
DSC08689
Aproveitamos para passear nas dunas com o sol se pondo.
DSC08704
Uma maravilha… simplesmente encantador esse cenário!
DSC08707

4 comentários:

Augusto disse...

Belíssimas fotos , tudo de bom para vcssss !!!

Mauricio e Silvia disse...

E aí Paulinha e Fernando !!!!!
Cada lugar maravilhoso hein !!!!
Estamos com saudades ! não vemos a hora de chegar Maio.
Continuem nos mandando fotos como essas só para passarmos vontade. rsrsrsrsr

Abraços

Mauricio E Silvia

Alessandra bento disse...

Lindo! Amei as fotos do guarás.

Airton Junior disse...

maravilhoso + 1 vez!!!!!!!!