Você verá que a emoção começa agora...
Agora é brincar de viver!
(Guilherme Arantes)





segunda-feira, 4 de junho de 2012

TRAVESSIA BERMUDAS–AÇORES

 

Partimos de Bermudas, no dia 10/05 às 13h, Fernando como sempre sorridente, agora sim… vamos fazer a nossa maior navegada e isso faz nossos corações baterem mais forte, serão 1800 milhas que pretendemos fazer em 15 dias. As previsões na saída eram de ventos moderados de Sudoeste… bora Andante! Ao mar!

DSC02363

DSC02369

Já nas primeiras horas, o vento entrou forte e o Andante deslizava veloz e adernado para bombordo, eu fiz o favor de esquecer de tomar o Meclin e fiquei mareada… pqp! Mas fui melhorando conforme se passaram os primeiros dias, antes de melhorar… só sopinhas!

DSC02378

Aí… já era capaz até de ler dentro da cabine…

DSC02383

Tirando a roupa de tempo depois de ficar no leme para o Fer rizar a vela mestra, estava chovendo e frio.

DSC02395

Já melhor, bem disposta e pronta pra fazer comidinhas gostosas, eu e o Fer começamos a colocar na panela nosso estoque gigante de comida…

DSC02398

Depois dos 2 primeiros dias de ótimas singraduras (quantidade de milhas percorrida em 24h), 1º dia – 167milhas, 2º dia – 133 milhas, começamos baixar o rendimento. O Manir, nosso amigo incumbido de nos passar todos os dias por SMS, no Inmarsat, as previsões de tempo, nos enviou um dizendo que estávamos rodeados por 6 zonas de alta pressão, ou seja, calmaria.

DSC02410

O sossego era tanto que até montei a mesa pra fazermos as refeições, tamanha era a estabilidade do barco no mar liso.

DSC02413

DSC02401

Tempo pra ler, aliás li 3 livros nessa travessia, ouvir música, contemplar o mar e pensar no que estamos fazendo, é realmente muito louco… queremos aproveitar todos os momentos, pois sabemos que a cada minuto que passa, essa aventura vira história, uma história que estamos vivendo e teremos saudades mais tarde… certamente.

DSC02417

DSC02431

Sempre que chove, aparece um arco-iris pra decorar o céu, com seu colorido, que mesmo sobre o cinza das nuvens carregadas, traz um tom alegre para o dia nublado.

DSC02425

Olha o mau tempo rondando a gente.

DSC02429

Mas desta vez passou batido.

DSC02449

Olha ai o Fer, ótimo Comandante, não tem sossego, está o tempo todo atento à todos os detalhes, empenhado, safo, incansável, me transmite muita segurança… por isso tô nessa com ele… rsrsrsrs!

DSC02458

Nessa imensidão do Oceano, navegamos por dias sem cruzar nenhuma embarcação, com nosso AIS, detectamos navios à 15 milhas de distância, o que nos dá uma enorme segurança, mas nem por isso deixamos de vigiar com olhos atentos no horizonte em busca de algum obstáculo em nossa rota.

DSC02459

Acompanhamos pelo AIS a aproximação de um veleiro de nome Chillout II, até que pudemos identificá-lo no visual, ele se aproximou e trocamos informações, tipo, de onde vêm, pra onde vão, está tudo ok a bordo, se precisarem de algo estamos na escuta… já tinhamos visto esse barco nas Bermudas, mas é sempre bom encontrar alguém nessa imensidão azul.

DSC02481

O Manir nos avisou por SMS que os ventos aumentariam consideravelmente e o mar também, ventos de 35 nós e ondas de 2,5m a 3,5m, agora vindos de Norte. Ok… aguardamos… estávamos quietinhos dentro da cabine aconchegante, mais ou menos umas 15h do dia 19/05, quando ouvimos um … Crec! Parecia que o barulho vinha da retranca, o Fer foi conferir…

DSC02486

uma peça que segura uma das roldanas por onde passa a escota da mestra partiu… caraca! Bem, meu Comandante safo, deu um jeitinho, fez um reparo provisório…

DSC02487

e pronto! Certamente aguentará até chegarmos em terra e fazer a solda na peça quebrada.

DSC02494

Pra nossa surpresa, quando fomos mexer na adriça da mestra, vimos que ela estava quase partindo… então, fizemos a troca, afinal sempre temos cabos reservas pra essas eventualidades. Isso é resultado de constante vigia para podermos detectar os problemas antes deles realmente acontecerem, imaginem uma adriça estourar quando você mais precisa? Pode ser um inferno!

DSC02490

DSC02492

Depois do paralelo 35N, a temperatura caiu e estávamos sempre enrolados em um cobertor, tiramos luvas e gorros dos armários e as roupas de tempo também, um mal tempo se aproxima… dá uma olhada na foto.

DSC02432

E ele chegou no dia 20/05, com ventos de mais de 40 nós, mas que nas rajadas marcou em nossa estação de vento 54 nós, acompanhado de chuva e ondas que passaram dos 6m… ui ui ui!

DSC02509

Com ondas grandes, chuva e vento forte, o Fer decidiu ficar lá fora por algum tempo (com roupas apropriadas e cinto de segurança) de olho nas velas e nas condições do barco, pra que nada fosse forçado demais e pudesse nos trazer problemas de eventuais quebras e desgate desnecessário. Tiramos a mestra e velejamos apenas com a genoa bem reduzida, assim o barco deita menos e segue mais confortável (na medida do possível), o Andante fazia de 7,5 a 8 nós com a genoa aberta no tamanho de uma toalha de banho… Vixi Maria!

DSC02511

Olha a minha cara, mareadíssima, passei muito mal dessa vez, que horror, parecíamos estar dentro de uma máquina de lavar gigante, a vida fica dificil… tomar um copo de água, ir ao banheiro, escovar os dentes, dormir… é quase impossível e é nessa hora que aqueles pensamentos horriveis tomam conta da minha cabeça, não consigo controlar, penso na minha casa que não balança, questiono… por quê estamos fazendo essa loucura, não seria mais fácil pegar um avião? Ahahah… não tem jeito, mas depois que passa, como dizia a minha Vó querida – É que nem dor de parto, a gente esquece… – e tudo volta ao normal, ainda bem! Rsrsrsrs…

DSC02521

Olha o Fer, encapotado e vidrado nos paredões de água que se levantavam do lado de fora, ele ficou hipnotizado. Ah… passamos à 240 milhas do ponto onde naufragou o Titanic, emocionante saber que estávamos à essa distância do local que há100 anos aconteceu o maior naufrágio de todos os tempos… dá arrepios!

DSC02529

Mesmo com o mal tempo, sempre tinha boa comida na cozinha do Andante, porém nem sempre eu conseguia desfrutar do menu, mareada que estava, nos últimos dias.

DSC02497

Fer preparando sandubas de frango, ficaram ótimos e eu já estava boa, ainda bem… ehehehehe, me deliciei!

DSC02531

Turno de descando do Comandante, bem agasalhado, luvas, gorro, blusa quente e edredon…

DSC02539

No dia 24/05 às 3h45 (Horário de Brasilia)… pra nós 6h45

TERRA À VISTA!

O Fer me chamou e podíamos ver, com o Sol a refletir no mar, ao fundo, a Ilha do Faial… que emoção, depois de tantos dias nessa imensidão azul, avistar terra.

DSC02542

Golfinhos vieram nos receber, aliás, fomos acompanhados por esses bichos fofos todo o trajeto, víamos golfinhos todos os dias e quando não saímos nos convés, ouvíamos o barulho deles de dentro da cabine, parece que nos chamavam… aí íamos até o cockpit para vê-los… lindos, mágicos, envolventes, alegres, festeiros… especiais!

DSC02559

No meio do oceano também vimos tartarugas, achei estranho, pensei que viviam somente nas encostas, mas não, uma delas até chegou a bater o casco no barco.

DSC02567

Os golfinhos aqui nos Açores são grandes e parecem desenhados como uma orca, com a barriga branca… são lindos!

DSC02565

Fer colocando a bandeira amarela…

DSC02546

Éramos só felicidade na chegada… é dificil acreditar que chagamos aqui com nosso barquinho à vela! Surreal!!!

DSC02572

Começamos a ver detalhes da costa de Faial, a linda ilha azul!

DSC02588

A primeira cerveja depois de 14 dias, mas já era meio dia, claro! Um brinde!!! Chegamos!!! Saúde!!! Viva!!!

DSC02603

Me emocionei! Não se foi porque estávamos chegando depois de tantos dias ou se porque tomei a primeira cerveja… ahahahaha!

DSC02604

A cidade de Horta na proa do Andante… nosso valente e bravo Andante!

DSC02614

Nossos amigos do veleiro Maruja, Hugo e Catarina, saíram de St. Marteen para os Açores e nós de Miami, sem planejar chegamos juntos com diferença de apenas algumas horas. Imaginem a nossa surpresa quando na manhã do dia 23/05 ouvimos o Hugo chamar um barco pesqueiro pelo rádio, na mesma hora tentamos contato e felizes da vida nos falamos, estávamos a apenas 28 milhas de distância… uma felicidade um encontro inesperado no meio do oceano! Olha aí o Maruja entrando na Baía de Horta.

DSC02623

Ao pisar em terra, sentimos nossas pernas bambas… ah… também estávamos mais magros… e juntos, comemoramos nossa façanha, eles levaram 24 dias de St. Maarten aos Açores, nós tivemos uma parada no caminho, Bermudas, e levamos mais 14 dias até nosso destino… não é pra qualquer um!

DSC02636

Fomos bebemorar no Bar do Peter, famoso boteco de velejadores da ilha, ponto de encontro dos malucos que estão no mar… agora fazemos parte dessa tribo… rsrsrs.

DSC02639

Sabemos que o que estamos fazendo não é inédito, mas pra nós é, não temos relação anterior nenhuma com o mar, moramos no interior de São Paulo, nossos antepassados não tinham nenhuma profissão ou mesmo lazer ligados ao mar. Mas nos apaixonamos pelas águas salgadas e azuis… pela força do vento a impulsionar nosso barco e estamos aqui, vivendo esta experiência maravilhosa, “inédita para nós”, por isso vibramos a cada navegada, a cada saida, a cada chegada a emoção toma conta da gente! O que estamos fazendo é importante em nossas vidas… estamos felizes com a realização de um sonho… uma aventura e tanto!

16 comentários:

Beatriz Pereira de Moraes disse...

E chegaram sãos e salvos à cidade da Horta, na Ilha do Faial, depois de mais de um ano na conversa on line, pudemos dar aquele abraço gostoso de boas vindas e curtir o máximo a chegada destes 4 marinheiros atrevidos e maravilhosos. Bem-vindos Queridos e preparem-se, a festa em terra vai começar!!!! :)))

Mario Bocamarela disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mario Bocamarela disse...

Se a gente que está daqui acompanhando sente aquele friozinho na barriga pela travessia que fizeram, fico imaginando voces aí, vivendo esse sonho! Estava ancioso por essas noticias. Um brinde!

Antonio disse...

Parabens por mais essa perna da aventura "Do bar pro mar", marcante a chegada bem no dia do meu aniversario, não esqueço nunca mais!
Um abração e curtam muito os Açores.
Ps: um abraço pra tripulação do Maruja

Diario de um Sonho disse...

estamos acompanhando a vossa viagem,digam quando pensam chegar a Lisboa gostavamos de dar um abraço em voçês.

Rui e Lena

vani lamberti disse...

Parabéns!!!!!Cada vez mais vcs me surpreende, são muito corajosos, torço muito para o sucesso de vcs, e
continuo aqui pedindo a Deus que os protejam sempre.Estou com muita sds, com certeza estarei em Paraty para abraça-los, na chegada....bjs mãe

Murilo Carani Coube disse...

O que voces estao fazendo deve ser imensamente importante pra voces. Mas digo mais, eh muito importante pra nos tambem! Eh muito bacana acompanhar o passo (ou seriam milhas?!) de vcs. Fica um gostinho especial e uma vontade imensa de estar junto fazendo essa aventura.
Aproveitem bastante por nos que estamos acompanhando de longe!
E parabens por essa fantastica conquista de cruzar o oceano!

Augusto disse...

MARAVILHA de texto. O que VCsss estão fazendo Paula e Fer é muito importante para nós também, VCss estão realizando o nosso sonho, o meu sonho, que eu achava impossível e não é mais . VCsss estão fazendo a coisa mais admirável da vida, partir, viver, voltar.....realizar. Beijos

Eduardo disse...

Parabéns pela façanha que muitos querem, alguns tentam, porém, poucos conseguem.
Aproveitem cada segundo dessa viagem marcante, pois, um dia ela vai encerrar, e só poderá ter o sentimento de realização, conquista e vitória.
É uma satisfação enorme acompanhar essa aventura.
Percebemos que as postagens são produzidas com muito carinho e satisfação, assim, ficamos encantados e anciosos para saber mais detalhes.

Atenciosamente, os tripulantes virtuais do Andante.

Eduardo e Alessandra.
Natal-RN.

Marcelo Lopes Rodrigues disse...

Que bom que chegaram bem, ver aquele pontinho no mapa no meio do oceano. São dois (adoráveis) loucos. É muito gostoso acompanhar esta viagem.

Cristina disse...

Uau, maravilhoso fotorelato. Eu tenho muitas sensações como voce durantes as travessias, parecem palavras tiradas de minha boca, tipo" ficar mareada, tomar so agua, dormir e escovar dentes", durante mau tempo. Os golfinhos fofos que nos acompanham e eu tambem ouço eles me chamar de dentro da cabine... isso é lindo demais. Não é inédito no mundo mas é um mundo inédito pra nós. Bons ventos. Cris.

Mauricio e Silvia disse...

PARABÉNSSSSSS !!!!!!!
Mais uma estapa cumprida hein !!!!!!
Vocês realmente são loucos rsrsrsrsrsrsrs. Como conseguem manter a calma vendo uma tempestade como aquela chegando ...e ainda mais, próximo da onde o Titanic afundou !!!!!

Estamos no aguardo de mais notícias !!!!!

Saudades

Mauricio e Silvia

Alexandre Franco Caetano disse...

Caríssimo CASAL VELEJADOR MODELO!!!

Parabéns pela aventura! Pela tranquilidade como velejam e decidem!

Não importa se esta aventura já foi feita antes ou não! A experiência é pessoal. E É um feito!

Agora, Fer, a Paula falar em vento de 54kn e onda de 6m e terminar só com um "ui, ui"...CARAMBA! Que tranquilidade!!! UHUUU! Parabéns! Em Paraty teremos um champagne separado esperando vocês, assim os conhecemos e comemoramos esta perna (de novo) juntos.
Alexandre - Black Swan

Mario Bocamarela disse...

Olhem só, já chegaram em Lisboa!!!!!
Estamos anciosos pelas noticias!
Aí deve estar cheio de "Bar do Portugues" rss

Cesar e Glaucia disse...

Grande Paula e Fer.
O que fizeram não é só importante pra vocês. É importante pra nós também, pois sabemos que cada feito no Andante e cada milha navegada é fruto de um recente aprendizado e de muita coragem e força de vontade. É importante pra nós saber que sonhar dá resultado.
Ficamos emocionados com sua conquista.

Luciana Meireles disse...

AMEI este relato! Inspirador, alto astral, cheio de uma energia asism que faz um bem danado... Obrigada por vocês... SEREM!