Você verá que a emoção começa agora...
Agora é brincar de viver!
(Guilherme Arantes)





quarta-feira, 24 de agosto de 2011

NAVEGADA PRA SALVADOR

Como ja era previsto, pouco vento nesse trecho, então... motorada total.

Gente, o azul do mar da Bahia é indescritivel, não sei se a foto é capaz de mostrar a realidade. Navegamos por grandes profundidades, maiores que 1000m nesse trecho, talvez seja um dos motivos dessa cor maravilhosa.

Comandante de olho em tudo, inclusive no que vocês verão na próxima foto.

É assim que elas, as gigantes Jubartes, dão o ar da graça. E na hora da soneca, ouço um grito - BALEIAS! BALEIAS! Era o Comandante me chamando pra fotografar. Vamos lá, afinal não perderia por nada.

 Como sempre... fascinante! Elas estavam preguiçosas desta vez, uma delas estava imóvel com a cauda pra fora, o Molina achou que pudesse ser um bote quando avistou de longe, mas não... eram elas, as donas do pedaço. Depois num ballet de movimentos lentos, vimos que eram duas, estão sempre aos pares, um casal, afinal elas veem pra essa região pra procriar, então... Viva o amor das Jubartes!

Olha ai! Poderia ser o cartaz do filme - "O Velho e o Mar".
Não acham? Rsrsrss

Na madrugada, nas únicas horas de velejada, deu pau no motor, ou melhor... na encrenca da bomba d'água, o motor começou a apitar e ai... o Comandante desmontou tudo pra arrumar a bomba, teve que levantar o motor amarrado nas catracas que ficam do lado de fora, com o barco adernado, velejando a 7kt, foi punk... uma surra que só terminou às 4h da manhã. Ainda bem que quando o Tio Valter esteve em Paraty, o Fer e ele tiraram a tal da bomba d'água, valeu... porque dessa vez o Fer já sabia o caminho pra chegar nela, que não é nada fácil. Coitado, ficou só o pó da rabiola, mas esse Comandante é muito competente, ainda bem!

Salvador nos recebeu assim, com essa nuvem escura e gigante em cima da cidade e pior, do mar também... Aff! Então tiramos nossas roupas de tempo pra encaramos a chuva.

O Fernando tava por dentro do caminho que tinhamos que fazer pra chegar no Terminal Nautico da Bahia - TENAB, e lá fomos nós.

Chegamos a mais um porto... uauauauauauau... Tudo ok, a chuva só fez nos rodear, foi bem tranquila a chegada.

É recompesador ter uma vista dessa ao chegar, as luzes foram se ascendendo e colorindo Salvador, parece que foi proposital, pra brindarmos o trecho!

E pra provar que estávamos mesmo na frente desse cartão postal, olha só a visão de dentro da cabine do Andante... não é demais? Tivemos que abrir umas latinhas... rsrsrsrsr

5 comentários:

Vani Lamberti disse...

Que coisa linda!!!!!!!!!Coitados dos seus guardiões, estão tabalhando pra caramba!!!!!!!rsrsrsr
Vê se fica uns dias ai para eles tomarem um folego, senão vão ter que pular no barco.......hahahaha.
Bons ventos sempre pra vcs....
PS: O Fer tira de letra os pipinos que vão aparecendo, eta menino inteligente, porisso casou-se com minha jóia rara....rsrsrsrsr. bjs mãe

cabral disse...

Fotos lindas.....Lugares lindos....
estou de olho em vcs.

um abraço

cabral

Mario Bocamarela disse...

O Jornal da Cidade de hoje (25/08), no caderno "Turismo" destacou as baleias que seguem para as aguas quentes do sul da Bahia de julho a novembro. Estão no local certo...

Meire Dias disse...

"O que faz andar o barco não é a vela enfunada, mas o vento que não se vê." (Também Platão)
Boa viagem sempre!!!
Meire

Airton Junior disse...

Caramba esse blog é MUITO BOM!!!! To em casa, no sofa, mas com a mente ae com vcs!! Fiquei mais uma vez arrepiado com essas fotos de Salvador! O BRASIL É LINDO! ABraços!!!